janeiro 19, 2009

adeus, jasmim



o jasmim deixou-nos, a meio da manhã de domingo. foi o cão lost que deu sinal de que algo se estava a passar, começando a uivar muito alto. a Humana foi ver e deparou com o jasmim, já morto. ataque cardíaco, muito provavelmente, disse a veterinária. estava deitado de lado, na sua almofada preferida, como se estivesse, ainda, a dormir.
o jasmim, o nosso gatinho cego, deixou-nos. esteve pouco mais de três anos connosco. por duas vezes a Humana conseguiu salvar-lhe a vida. desta vez, nada havia que ela pudesse fazer.

há criaturas que aparecem nas nossas vidas para nos demonstrarem que a bondade ainda habita o coração das pessoas e dos bichos, disse-nos a Humana, chorando lágrimas que não se viam. o jasmim foi uma delas. desde a veterinária que nunca lhe cobrou as frequentes consultas a que ela teve de o levar, nos primeiros tempos de vida, quando o trouxe da rua, fortemente atacado pela coriza. passando por nós, que nunca lhe batíamos, mesmo quando ele nos obrigava a sair dos nossos lugares já quentinhos para lá se ir deitar, ou quando dava uns tabefes na mimosa e corria atrás dela, pois não a queria dentro de casa... e o lost, o nosso cãozinho rafeiro que, desde que o jasmim foi para casa da Humana, assumiu a sua protecção, mimando-o, brincando com ele, abrindo, na terra do quintal, em dias de verão, um buraco para ele, e outro, mais pequenino, para o seu amigo. papel de protector, que ele cumpriu até ao fim.
é importante falarmos nessas coisas, disse a Humana. falarmos nelas, mesmo que essas recordações sejam, hoje, dolorosas. assim fiz.
voltaremos, em breve, à blogosfera, retribuiremos as visitas. mas agora, precisamos de ficar, por algum tempo, em silêncio. sabemos que nos entendem.

21 comentários:

Silvia disse...

:_(
ele cumpriu a missão dele e partiu, sabendo que foi amado...
um abraço...

Luzinha disse...

óh, que tristeza! fica bem, tá? ele se foi, mas as lindas lembranças vão ficar prá sempre... bjus prá ti e prá todos os gatinhos e, claro, para o Lost!

OIN disse...

Adeus, Jasmim. A minha humana falava-me de ti com ternura. Da tua esperteza, dos teus miados. Partiste cedo, mas conheceste o amor de humanos e de bichos. Foste feliz. Como eu sou. Até mais logo, Jasminzinho.

milene widholzer disse...

Ai, Idun, que tristeza. Não consegui ler teu post sem chorar muito. Jasmim agora é uma linda estrela brilhante no céu.
Deixo aqui muitos beijos e todo o nosso carinho para sua humana e todos os bichinhos do jardim.

Arabica disse...

É por todas essas palavras e pela bondade que ainda habita o mundo e o coração das pessoas e dos bichos, que eu continuo a acreditar que há sempre um amanhã.


No céu, mais um jasmim nasceu no meio as estrelas.


Abraço-te, agora no silêncio, já de lágrima no olho.

Vinha aqui fazer qualquer coisa.
Mas acho que já está feita.

Lucy, disse...

Sei que é muito triste. Mas pense que ele foimorar do outro lado da ponte do arco-íris sabendo que foi amado, que tinha amigos, que deixou saudades. Ao contrário de outros gatinhos que não tiveram ninguém, ele tem a quem proteger e por quem esperar.

Uniqua disse...

:( Ele cumpriu mesmo sua missao, e todos que conviveram com ele, humanos e animais, souberam reconhecer um anjinho que estava aqui na terra so por um tempo. Agora voltou a ser estrelinha!!!
Um beijo

Catish disse...

Que tristeza , tb já perdi duas gatinhas e sei como custa :(

Qd te sentires melhor e quiseres brincar um pouco tens um desafio no meu blog, vai até lá ver.

Muitas beijocas e força :)

Sílvia disse...

Lamento muito a vossa perda.

Um beijinho cheio de força.

Justine disse...

Comovente o teu relato.Comovente até às lágrimas.Perante a partida do Jasmim, o meu silêncio solidário.
Adeus Jasmim, companheirinho de bichos e humanos!

goiaba disse...

Acho que eras um gato parecido comigo e também por isso lamento que tenhas partido. Eu faço muitas diabruras mas já estou a ver a lagriminha da minha dona ...
Festinhas para os companheiros que ficaram.

Crazy Mary disse...

Que tristeza... E que bela homenagem ao Jasmim. Lá no céu dos gatos brilha agora mais uma estrelinha com todas as suas cores... e a única com perfume de jasmim.

Andressa disse...

Que fofura! Muito obrigada pelo elogio. Não se intimide pela distância, faço muitas coisas para Itália, Inglaterra, Suíça. Tenho peças soltas que podem viajar, acho que vc gostaria de algo como peixinhos, pássaros ou ratinhos, não é?! hehehehehehe!
Mil beijos!
Sinto muito pelo jasmin!

moriana disse...

o nosso Artur também habita uma estrelinha, a mais brilhante de todas. permanece a tristeza dentro de nós, nunca o esquecemos.
Jasmim, lindo Jasmim...outra estrelinha te acolhe, quem sabe pertinho do Artur.

Estamos pesarosas.
Flor e Lua
Um grande beijo da Humana.

amigona avó e a neta princesa disse...

Deixo um abraço...

M. disse...

Que modo tão bonito de falar da vossa perda. Uma festinha.

Rosa dos Ventos disse...

Não consigo chegar directamente ao Pequeno Jardim...
Hoje entrei por acaso, por uma porta que encontrei aberta e soube da triste notícia, mas o Jasmim viveu feliz convosco, embora pouco tempo!

Muitas festinhas

Japa Girl disse...

Ai, que tristeza!
Só hoje vi o post sobre a partida de Jasmim. Mas, como você escreveu, ele deixou o mundo em sua almofada, como se dormisse. Sabia que era amado.
Bjinho!

caniche vagabundo disse...

:o(
Há-de estar bem, o bichano...

Van Dog disse...

Ohh...

Chat Gris disse...

É importante falarmos sim...
Uma marradinha para ti.

Arquivo de jardinagem