maio 02, 2011

sou uma autêntica enciclopédia


vejam só a cantiga de roda que a rosinha dos ventos cantava na sua infância:

ó enleio
que te enleaste
ao mais alto "acipreste"
eu queria cantar contigo
e tu enleio
tu não quiseste

a minha irmã brunilde, com a sinceridade que a caracteriza, confessou-me não saber o que era um "acipreste". eu, como tenho um coração grande, tratei logo de esclarecê-la:

acipreste é o nome de um arcipreste  que um dia andava a passear todo contente. de repente levantou-se uma  ventania enorme e ele foi a correr para casa; mas quando lá chegou sentia-se esquisito, como se lhe faltasse alguma coisa. quando descobriu o que era pôs-se à janela a gritar: ah vento malandro que me roubaste um r!
Entretanto, outros arciprestes que também andavam a passear todos contentes também foram a correr para casa, quando chegou a ventania. mas, porque corriam mais devagar ou porque pararam uns segundos para descansar ou porque a casa deles ficava bastante mais longe do que a do primeiro e não havia táxis àquela hora, demoraram mais tempo a chegar a casa e o vento lá lhes foi surripiando o que pôde. quando descobriram que tinham sido roubados, puseram-se todos à janela; só que não conseguiram dizer nada, pois faltava-lhes o ar. então, aproveitando-se do facto de eles estarem assim tão indefesos e não poderem, sequer, pedir socorro, o vento desatou a bater nos ciprestes.

6 comentários:

Rosa dos Ventos disse...

E sabes que por aqui também lhe chamam "alcipreste" ?! :-))
A história tão bem engendrada acabaria por ficar bem também com l...

Abraço e ronrons

Só consigo chegar a este Jardim a partir do "Explorer"

carol disse...

Que giro! Gostei da história. Mas o que eu gosto mais de tudo neste blog, é o slideshow dos teus gatinhos. Quem me dera saber fazer um no meu blog! É que gatos não me faltam cá por casa...

Miaus e ronrons...

Milene disse...

Olá Idun, mas que sorte de Brunilde te-la por perto para tais esclarecimentos hehehe.
Muito boa a história e também acho o slideshow muito lindo.
Não costumavas ter um suave som de pássaros aqui pelo Jardim?
Tenha uma linda semana e mande lembranças de Mina à Brunilde e à Humana. Bjs

Idun, a felina disse...

amiga rosa dos ventos, não há que ter dúvidas: al-cipreste é o nome que os árabes dão a um cipreste.
sabes, na aldeia onde a avó da Humana vivia, havia uma mulher já idosa que tinha muita graça quando se punha a gabar um certo "lito" (eucalipto): "ele parecia que levantava os braços até chegar ao céu, ele tinha umas raízes que queriam chegar mesmo lá ao fundo..."
carol, isso é fácil!
milene, tínhamos essa música com som de pássaros, sim. mas o papão, um gato vadio que às vezes deambula aqui pelo jardim, caçou os pobrezinhos, numa noite de lua nova. nunca mais se ouviu um pio neste triste blog...

Justine disse...

Idun, ainda não conhecia a tua capacidade pedagógica!Que bem que tu ensinas...:)))
Um ronron de admiração do primo mOunty para ti

Milene disse...

Papão. que gato danado... rsrsrsrsrs.
Bj

Arquivo de jardinagem